Cursos Presenciais

Mestrado

Mestrado em Educação

Mestrado em Educação

Duração: Mínima 12 meses

Curso prioriza produção de conhecimento e formação de pesquisadores

Inscrições em breve

Modalidade

Presencial

Campi

Campus Tubarão

Duração

Mínima 12 meses

Mensalidades

Ver Valores

Sobre o Curso

Selo Mestrado em Educação - Conceito 4 CapesO Mestrado em Educação da Unisul foi criado com o intuito de atender à demanda regional e nacional de estudos e pesquisas na área. O curso prioriza a produção de conhecimento e a formação de docentes pesquisadores. Insere-se na construção de espaços de reflexão teórica sobre a educação e possibilita a compreensão do fenômeno educacional na sua inserção no contexto mais amplo, permitindo a necessária interpretação da realidade.

Esse curso contribui para a compreensão da problemática educacional na sua historicidade, totalidade e complexidade em um quadro educacional brasileiro caracterizado pelos altos índices de analfabetismo, de baixas taxas de escolarização e pelos problemas na formação de professores nos diferentes níveis e modalidades da educação.

O Mestrado em Educação se constitui em um locus privilegiado para debater, questionar e refletir sobre as problemáticas do mundo contemporâneo, intervindo nos processos de formação de docentes para o ensino superior e do pesquisador em educação e dos docentes de outros níveis e modalidades da educação.

Duração do curso e horário das aulas

O Mestrado em Educação tem duração máxima de 24 meses. A duração mínima é de 12 meses. O Curso é ofertado anualmente, em concordância com o calendário acadêmico institucional.

O processo seletivo, via edital, ocorre entre os meses de abril e julho.

As aulas iniciam em agosto, são semanais e presenciais, às quartas e quintas-feiras, nos períodos matutino e vespertino.

Matriz curricular

Acessar

Como ingressar – Seleção Discente

Comece fazendo sua inscrição online em ‘Inscreva-se’, no alto desta página, abaixo do nome do curso. Após passar por todas as etapas da inscrição online, envie os documentos para Unisul e prepare-se para o processo de seleção e matrícula.

Editais de Oferta

TítuloDescriçãoBaixar
29/7/2020 - Termo Aditivo Nº1 da Homologação das inscrições - Edital 19/2019 Processo Seletivo Discente - Mestrado em Educação - Turma 2020 BaixarVisualizar
Homologação das inscrições - Edital 19/2019 Processo Seletivo Discente - Mestrado em Educação - Turma 2020 BaixarVisualizar
3/7/2020 - Termo Aditivo Nº 3 ao Edital Nº 19/2019 Altera o Cronograma BaixarVisualizar
24/4/2020 - Termo Aditivo Nº 2 ao Edital Nº 19/2019 Altera o Cronograma BaixarVisualizar
9/3/2020 - Termo Aditivo Nº 1 ao Edital Nº 19/2019 Mestrado em Educação - Inscrição, seleção e matrícula BaixarVisualizar
4/12/2019 - Edital 19/2019 Mestrado em Educação - Inscrição, seleção e matrícula BaixarVisualizar

Editais de Classificados

Datas Importantes

Inscrições online: até 15/7/2020

Veja no termo aditivo Nº 3 outras datas importantes.

Documentos

Para se inscrever, o candidato deve apresentar os seguintes documentos:

  • Uma via impressa do formulário de inscrição devidamente preenchido;
  • Cópia do RG e CPF;
  • Cópia do Diploma do curso de graduação (ou declaração da IES de que o candidato concluirá o curso) e do Histórico Escolar do curso de ensino superior*;
  • Currículo Lattes impresso não documentado;
  • Diploma e Histórico do curso de graduação convalidado no Brasil por uma Universidade Federal (para candidatos com graduação obtida no exterior)*;
  • Cópia do visto de permanência no país (para candidatos estrangeiros);
  • Projeto de Pesquisa seguindo as orientações descritas no Edital de Oferta;
  • Comprovante de pagamento da taxa de inscrição de R$ 100,00 (o boleto é impresso ao final do preenchimento do Formulário de Inscrição online);
    * fotocópia autenticada

Observações: o candidato deverá encaminhar a documentação para o Campus ou Unidade Universitária na qual se inscreveu, até a data e os locais estipulados no Edital de Oferta. O não cumprimento da data eliminará automaticamente o candidato do processo seletivo.

Veja no Edital de Oferta a lista completa de documentos.

Seleção e Matrícula

Seleção

Para os candidatos com inscrição homologada, o processo de seleção será realizado em três etapas:

  • 1ª etapa – Projeto de Pesquisa (eliminatória)
    O Projeto de Pesquisa será analisado por 3 comissões avaliadoras designadas pela Coordenação do Curso de acordo com os critérios estabelecidos no Edital.
  • 2ª etapa – Prova escrita (eliminatória)
    A prova deve ser escrita em língua portuguesa e será aplicada no horário e local especificados no Edital.
  • 3ª etapa – Entrevista (eliminatória)
    A entrevista será realizada por bancas formadas pelos docentes integrantes da linha de Pesquisa para a qual o candidato se inscreveu.

Matrícula

Os candidatos selecionados deverão matricular-se no horário e local citados no Edital e apresentar os seguintes documentos:

  • Diploma de Graduação oficialmente reconhecico; ou Certificado de Conclusão do curso; ou Histórico Escolar expedido pela IES**;
  • Duas fotos 3×4;
  • Certidão de nascimento ou casamento*;
  • RG*;
  • Diploma e Histórico do curso de graduação convalidado no Brasil por uma Universidade Federal (para candidatos com graduação obtida no exterior)**;
  • Visto de permanência no país (para candidatos estrangeiros)*.
    *Cópia
    **Cópia autenticada
Área de Concentração e Linhas de Pesquisa
Área de Concentração

Educação: Estudos e pesquisas sobre os processos educacionais e seus fundamentos na perspectiva da compreensão do fenômeno educativo em seus diferentes aspectos.

Linhas de Pesquisa

Educação, História e Política: fundamentos históricos, políticos e pedagógicos da educação. Política para a educação básica e superior. História das instituições e das práticas escolares.

Relações Culturais e Históricas na Educação: os processos educativos e suas interfaces com a cultura, história, filosofia, sociologia, antropologia e psicologia. Experiência e formação de professores. Estudos sobre infância e sua educação em contextos formais e informais. Relações de gênero, classe e raça/etnia na educação.

Educação em Ciências: fundamentos históricos, filosóficos, epistemológicos, axiológicos, psicológicos e didático-pedagógicos da Educação em Ciências relacionados aos processos de ensino e aprendizagem na Educação Básica, Superior (Formação inicial e continuada de professores) e em contextos não formais e informais.

Aluno Especial

Saiba, passo a passo, como se tornar um aluno especial do Mestrado em Educação da Unisul.

A matrícula de aluno especial em disciplinas está condicionada à oferta semestral divulgada em nosso site após a matrícula de alunos regulares. As vagas estão condicionadas a ordem de matrícula.

Apresentar os seguintes documentos:

  • Fotocópia autenticada de diploma e de histórico da graduação.
  • Duas fotos 3×4.
  • Fotocópia da carteira de identidade.
  • Fotocópia do CPF.
  • Fotocópia da certidão de nascimento ou casamento.
  • Comprovante de residência.

Imprimir uma cópia do Requerimento de Matrícula para aluno especial, assinar e entregar pessoalmente ou postar no correio para a Secretaria do Mestrado em Educação, na Unidade Universitária Tubarão.

Matrículas

Os dias de matrícula para alunos especiais vão de 17/8 a  e 28/8/2020.

Valor: 4x de R$ 355,74

Vencimentos

  • 10/9/2020
  • 10/10/2020
  • 10/11/2020
  • 10/12/2020

Disciplinas disponíveis

Relações de Gênero e Educação (05 vagas)
Profª Dra. Tânia Mara Cruz
Quinta-feira, matutino
Início 03/09

Universalização da Educação Básica (05 vagas)
Profº Dr. Gilvan Luiz Machado Costa
Quinta-feira, vespertino
Início 03/09

Fundamentos Teórico-Metodológicos para a Prática Educativa Escolar (05 vagas)
Profº Dr. Matheus Bernardo Silva
Quinta-feira, vespertino
Início 03/09

Condições para participação

O aluno especial poderá cursar até oito créditos (duas disciplinas). A matrícula como aluno especial pode ser feita para todas as disciplinas do Programa, exceto:

  • Disciplinas Obrigatórias;
  • Tópicos Especiais;
  • Estudos Individualizados;
  • Atividades Acadêmicas Complementares; e
  • Seminário de Dissertação, uma vez que essas disciplinas estão diretamente vinculadas às pesquisas dos alunos regulares.

Para cursar uma disciplina (quatro créditos) é preciso fazer o investimento de uma parcela do valor vigente no semestre. O valor poderá ser abatido do investimento no caso do aluno submeter-se e ser aprovado no Processo Seletivo Discente passando à qualidade de aluno regular.

O que diz o Regimento?

Conheça as regras para Aluno Especial segundo o Regimento do Mestrado em Educação:

Art. 37. Incondicionalmente só serão aceitos alunos especiais em disciplinas optativas, impossibilitando assim a matrícula nas disciplinas obrigatórias: Epistemologia da Educação, Teorias da Educação e Educação Brasileira: história e contextos.

  • Parágrafo Primeiro. O Seminário de Dissertação não poderá receber alunos especiais devido ao caráter da disciplina, ou seja, ser vinculada às linhas de pesquisa e às dissertações.
  • Parágrafo Único. O docente responsável deverá se manifestar em relação ao aceite e número de alunos especiais em sua disciplina, logo após a matrícula dos alunos regulares.

Art. 38. O ingresso ocorrerá através de Edital de Processo Seletivo fixado pela Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Educação, devendo ocorrer somente após a matrícula dos alunos regulares.

  • Parágrafo Único. Será divulgada no Edital a relação de disciplinas que ofertarão vagas para alunos especiais.

Art. 39. O valor da disciplina seguirá as orientações da Instituição.

  • Parágrafo Primeiro. O aluno especial, ao ingressar no Mestrado em Educação como aluno regular, poderá convalidar o número máximo de 8 (oito) créditos cursados.
  • Parágrafo Único. A condição de aluno especial não caracteriza vínculo com o Programa de Pós-Graduação em Educação – Mestrado, não garantindo o acesso como aluno regular no curso, devendo o mesmo submeter-se ao processo seletivo discente.

Art. 40. O aluno especial que convalidar os créditos acadêmicos poderá abater o valor pago pela disciplina no novo curso.

Art. 41. A convalidação de créditos cursados em regime de aluno especial será realizada via Comissão Especial designada pela Coordenação para esta finalidade.

Docentes

Conheça os docentes do Mestrado em Educação Minter, organizados por Linha de Pesquisa.

Educação, História e Política no Brasil e na América Latina

Gilvan Luiz Machado Costa
Doutor em Educação (2002)
Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) – Brasil
Temas de orientação: Política Educacional. Trabalho docente e valorização dos Profissionais da Educação. Ensino médio no Brasil.
E-mail: gilvan.costa@unisul.br
Currículo

Leonete Luzia Schmidt
Doutora em Educação (2006)
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC) – SP – Brasil
Temas de orientação: História da educação. História dos métodos e práticas da alfabetização. Políticas e práticas para os anos iniciais do ensino fundamental.
E-mail: leonete.schmidt@unisul.br
Currículo

Relações Culturais e Históricas da Educação

Chriley Domingues
Doutora em Educação (2017)
Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Brasil
Temas de orientação: Formação do leitor literário em espaços formais e não formais. Literatura e ensino. Espaços de mediação de leitura literária na escola. Formação inicial e continuada do professor de literatura. Leitura literária na escola (Ensino Fundamental II e Ensino Médio). Literatura infantil e juvenil.
E-mail: chirley.domingues@unisul.br
Currículo

Luciane Pandini Simiano
Doutora em Educação (2015)
Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) – Brasil
Temas de orientação: Educação e Infância. Relações entre infância, experiência e narrativa na educação. A especificidade da educação de bebês em espaços coletivos. Docência na Educação Infantil. Formação de professores da Educação Infantil.
E-mail: luciane.simiano@unisul.br
Currículo

Tânia Mara Cruz
Doutora em Educação (2004)
Universidade de São Paulo (USP) – Brasil
Temas de orientação: educação formal e não formal e relações de gênero/étnico-raciais. Sexualidade e orientação sexual na escola. Construção de masculinidades e feminilidades em culturas infantis e juvenis. Ensino Superior, gênero e raça-etnia. Formação de professores e relações de gênero.
E-mail: tania.cruz@unisul.br
Currículo

Educação em Ciências

Fátima Elizabeti Marcomin
Doutora em Ecologia (2002)
Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) – Brasil
Temas de orientação: Educação ambiental. Percepção socioambiental. Abordagens teórico-metodológicas em Educação Ambiental. Epistemologia e Educação Ambiental. Formação de educadores ambientais.
E-mail: fatima.marcomin@unisul.br
Currículo

Yalin Brizola Yared
Doutora em Educação (2016)
Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) – Brasil
Temas de orientação: desenvolvimento do pensamento crítico no ensino de Ciências e Biologia; ensino de Ciências e Biologia com ênfase nas temáticas: ‘ser humano e saúde’, ‘sexualidade e educação sexual’, ‘tecnologia e sociedade’; formação inicial e continuada de professores/as que ensinam Ciências e Biologia; metodologias didático-pedagógicas inovadoras emancipatórias para o ensino de Ciências e Biologia.
E-mail: yalin.yared@unisul.br
Currículo

Josélia Euzébio da Rosa
Doutora em Educação (2012)
Universidade Federal do Paraná (UFPR) – Brasil
Temas de orientação: fundamentos da Teoria Histórico-cultural para a organização dos processos de ensino e aprendizagem de Matemática. Atividade Orientadora de Ensino proposta por Moura para Educação Matemática. Modo de organização do ensino de Matemática proposto por Davýdov e colaboradores. Novas tecnologias para o ensino de Matemática a partir dos Fundamentos da Teoria Histórico-Cultural. Formações inicial e Contínua de Professores que ensinam Matemática com base nos Fundamentos da Teoria Histórico-Cultural.
E-mail: joselia.rosa@unisul.br
Currículo

Seleção Pós-Doc

Inscrições encerradas para seleção do Programa Nacional de Pós-doutorado da Capes.

Veja se você é um dos homologados e confira o cronograma de entrevistas!

TítuloDescriçãoBaixar
Resultado final Resultado final - Seleção Pós-Doc BaixarVisualizar
Datas entrevistas Cronograma entrevistas seleção Pós-Doc BaixarVisualizar
Homologados Homologados BaixarVisualizar
Edital de Seleção Edital 05/2019 BaixarVisualizar

Grupos de Pesquisa

O PPGE possui 7 grupos de pesquisas certificados pelo CNPq.

Grupo de Educação, Infância e Gênero (Gedig)
Líder: Luciane Pandini Simiano, doutora
Vice-líder: Tânia Mara Cruz, doutora
Saiba mais sobre o Gedig

Educação em Ciências e Pensamento Crítico (GPECrit)
Líder: Yalin Brizola Yared, doutora
Saiba mais sobre o GPECrit

Análise e Planejamento Ambiental da Paisagem e Educação Ambiental (AnPaP-AE)
Líder: Fátima Elizabeti Marcomin, doutora
Saiba mais sobre o AnPaP

História da Educação Catarinense – GEPHEC/HISTEDBR-SC Unisul
Líder: Leonete Luzia Schmidt, doutora
Saiba mais sobre o GEPHEC/HISTEDBR-SC

Política e Gestão da Educação
Líder: Letícia Carneiro Aguiar, doutora
Vice-líder: Clóvis Nicanor Kassick, doutor
Saiba mais sobre o Grupo

Relações Linguagem, Cultura e Estética (GEPEL)
Líder: Ana Maria Esteves Bortolanza, doutora
Vice-líder: Chirley Domingues, doutora
Saiba mais sobre o Grupo

Teoria do Ensino Desenvolvimental na Educação Matemática (TedMat)
Lider: Josélia Euzébio da Rosa, doutora
Saiba mais sobre o Grupo

Projetos de Pesquisa

Educação, História e Política no Brasil e na América Latina

A criança durante o processo de alfabetização e a dificuldade no acompanhamento da turma
Resumo: O objetivo é compreender os aspectos sociais, econômicos e pedagógicos que determinam o perfil das crianças das classes de alfabetização (1º, 2º e 3º ano do Ensino Fundamental) que não acompanham o processo de alfabetização em relação a aprendizagem da leitura e da escrita das escolas públicas da região sul de Santa Catarina.
Coordenação: Leonete Luzia Schmidt, doutora
Integrantes do PPGE: Letícia Carneiro Aguiar, doutora e Maria da Graça Nóbrega Bollmann, doutora
Financiamento: Observatório de Educação – Capes

A instrução pública elementar em Santa Catarina no século XIX: análise do processo de organização das escolas e dos modelos pedagógicos instituídos
Coordenação: Leonete Luzia Schmidt, doutora

Ensino médio e trabalho docente em escolas públicas: configurações e perspectivas
Coordenação: Gilvan Luiz Machado Costa, doutor
Financiamento: CNPq

Metodologia para elaboração de Currículo de Referência para os cursos técnicos do Sistema Escola Técnica Aberta do Brasil e-Tec Brasil
Coordenação: Clóvis Nicanor Kassick, doutor
Financiamento: Ministério da Educação / FNDE

Remuneração de professores de escolas públicas da educação básica: configurações, impactos, impasses e perspectivas
Coordenação: Gilvan Luiz Machado Costa, Doutor /Marcos Edgar Bassi, doutor (UFPR)
Financiamento: Observatório de Educação – Capes

Trabalho docente no ensino médio de educação geral nos estados brasileiros: um estudo comparado entre Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul
Coordenação: Gilvan Luiz Machado Costa, doutor
Financiamento: FAPESC

Alfabetização com letramento: a formação inicial e continuada e trabalho docente nas escolas da rede pública da região sul de Santa Catarina – Projeto encerrado
Coordenação: Leonete Luzia Schmidt, doutora
Integrantes do PPGE: Letícia Carneiro Aguiar, doutora e Maria da Graça Nóbrega Bollmann, doutora
Financiamento: Observatório de Educação – Capes

Formação de Professores na Educação a Distância no Estado de Santa Catarina: entre proposições e realizações – Projeto encerrado
Coordenação: Letícia Carneiro Aguiar, doutora

Formação pedagógica continuada dos docentes para a educação superior: a contribuição do programa de profissionalização pedagógica continuada dos professores da Unisul – Projeto encerrado
Coordenação: Clóvis Nicanor Kassick, doutor

Trabalho docente no ensino fundamental e médio no Estado de Santa Catarina – Projeto encerrado
Coordenação: Gilvan Luiz Machado Costa, doutor
Financiamento: Prosup

Trabalho docente no ensino médio nos Estados Brasileiros: um estudo comparado entre Santa Catarina e Minas Gerais – Projeto encerrado
Coordenação: Gilvan Luiz Machado Costa, doutor
Financiamento: CNPq

Relações Culturais e Históricas na Educação

Antropologia, Gênero e Educação em Santa Catarina
Resumo: É uma rede articulada em conjunto Unisul e a equipe do Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades (NIGS) da UFSC, e pesquisadores/as da Uniplac, UFFS. Na Unisul conta com subprojetos: Gênero e raça-etnia: o recreio da educação infantil e séries iniciais como espaço de vivência para novas relações sociais, Tubarão/SC; Formação de Professores/as e Diversidade Sexual na Educação Básica – Tubarão/SC.
Coordenação: Tânia Mara Cruz, doutora
Financiamento: Fapesc

Desafios para a formação do leitor literário na escola: quais são, onde estão e como podemos superá-los?
O projeto Desafios para a formação do leitor literário na escola: quais são, onde estão e como podemos superá-los?, vinculado ao Grupo de Pesquisa Literalise – UFSC e ao Grupo de Pesquisa Epoca – PPGCL/UNISUL, visa a analisar o contexto da Educação Básica quando está em cena a leitura ou o estudo da literatura. A proposta tem por objetivo compreender quais os principais desafios para a efetiva formação do leitor literário na escola e como esses desafios podem ser transpostos. As pesquisas que se vinculam ao projeto visam compreender, problematizar e refletir sobre o contexto escolar quando está em cena a formação do leitor literário, sobretudo no Ensino Fundamental II e no Ensino Médio, onde parece haver um maior distanciamento dos textos literários, propriamente ditos, em detrimento do estudo de conteúdos da Língua Portuguesa, ou da ênfase no ensino de conteúdos literários, problemáticas sobre as quais se debruçam estudiosos como Zilberman (2009), Todorov (2012); Oliveira (2013), Rezende (2015), Rouxel; Langlade (2013), Jouve (2013) e Fritzen (2017).
Coordenação: Chirley Domingues, Doutora

Formação docente: gênero nos currículos dos cursos de pedagogia nas Universidades Federais no Brasil
Resumo: O desenvolvimento do projeto visa identificar nos currículos dos cursos de pedagogia das universidades federais do país, as bases científicas, disciplinares e conceituais que subjazem à organização das matrizes curriculares, bem como desvelar o lugar que a categoria gênero ocupa ao longo do processo formativo oferecido pelos cursos de pedagogia.
Coordenação: Márcia Buss-Simão
Financiamento: CNPq

Educação e cultura: a discriminação no cotidiano escolar – Projeto Encerrado
Resumo: Balanço da produção acadêmica no período de 1990 – 2010 sobre Gênero, Orientação Sexual e Preconceito entre crianças das séries iniciais (6 a 10 anos); Subprojeto: Mídia e educação nas séries iniciais: significações sobre gênero e raça/etnia no cotidiano escolar e possíveis (re)significações a partir da leitura de filmes da Mônica.
Coordenação: Tânia Mara Cruz, doutora

Inclusão escolar. Subjetividade e linguagem na infância – Projeto Encerrado
Coordenação: Tânia Mara Cruz, doutora

Educação em Ciências

A formação em e para a educação ambiental no contexto dos processos educativos formais
Coordenação: Fátima Elizabeti Marcomin, doutora

A percepção ambiental vista sob diferentes lugares, modos e olhares: um estudo à luz dos fenômenos e processos
Coordenação: Fátima Elizabeti Marcomin, doutora

Limites e possibilidades do processo de formação matemática no contexto de três Cursos de Pedagogia
Coordenação: Josélia Euzebio da Rosa, doutora
Financiamento: CNPq

Proposições de Davýdov e seus colaboradores para o ensino de matemática
Coordenação: Josélia Euzébio da Rosa, doutora

Produção Acadêmica

Periódicos

Revista Eletrônica Poiésis
Poiésis é uma publicação semestral do Programa de Pós-Graduação, Mestrado em Educação, da Unisul.

Tem como objetivo publicar trabalhos inéditos em forma de artigos, ensaios, debates, entrevistas ou resenhas sobre temas que contribuam para o debate educacional e a divulgação do conhecimento produzido na área.

ISSN 2179-2534

Endereço postal

Revista do Programa de Pós-Graduação em Educação – Unisul
Avenida José Acácio Moreira, 787, Bairro Dehon
88704 900
Tubarão – Santa Catarina – Brasil

Contato

Leonete Luzia Schmidt, doutora
Coordenadora da Equipe Editorial
Telefone: (+55) (48) 3621 3367
E-mail: revistapoiesis@unisul.br

Conheça a revista

Dissertações

O curso de Mestrado em Educação, desde 2009, forma mestres e desenvolve estudos e pesquisas sobre os mais diversos aspectos dos processos educacionais.

São mais de 110 dissertações defendidas desde então, que nos diversos temas e linhas de pesquisas do Curso evidenciam a qualidade do ensino e principalmente dos profissionais que iniciam na docência e no mercado de trabalho.

Atualmente, as dissertações vem sendo publicadas e disponibilizadas para consulta e para download, no Riuni, o Repositório Institucional da Unisul. O Riuni tem o principal objetivo de gerenciar toda a produção intelectual da Universidade, visando a preservação e visibilidade das publicações.

Conheça os temas mais pesquisados pelos discentes do Curso e acesse na íntegra as dissertações já defendidas.

Como acessar as dissertações no Riuni?
Acessando o Riuni, você tem à disposição diversas formas de consulta às dissertações já defendidas, com opção inclusive para fazer download do trabalho completo, desde que já tenha sido disponibilizado pelo autor.

É possível pesquisar por área de conhecimento, autor, título do trabalho, orientador, coorientador, entre outras opções que você encontra no menu lateral da Plataforma.

Escolha o filtro e faça sua consulta!

Acesso as dissertações no Riuni

Lista das dissertações
O Curso reuniu e organizou, por ano, uma lista de todas as dissertações defendidas.

Intercâmbio

Os docentes do Mestrado em Educação da Unisul se dedicam ao intercâmbio de pesquisadores de outros Programas de Pós – Graduação da área de Ciências Humanas – Educação no intuito de ampliar a discussão sobre diferentes problemáticas de pesquisa a partir do diálogo com pesquisadores no âmbito nacional ou internacional. Busca ainda um aprofundamento teórico-metodológico, e a proposição e consolidação da pesquisa no Programa de Pós-graduação de Educação da Unisul.

Esse movimento contou, inicialmente, com a realização de Estágios de Pós-Doutorado:

Maria da Graça N. Bollmann, doutora, na Faculdade de Ciências da Universidade Lisboa (Portugal) com bolsa da CAPES, possibilitando articulações para a realização da pesquisa interinstitucional Unisul e Universidade de Lisboa – “A Educação Superior em Santa Catarina, Brasil: um estudo na perspectiva do direito à Educação”.

Clovis Nicanor Kassick, doutor, na Universidade Valladolid (Espanha) e na Universidade Técnica de Lisboa (Portugal), também por um período de seis meses e com bolsa de pesquisa da Fundación Carolina da Espanha.

Gilvan Machado Costa, doutor, com Bolsa da CAPES, na Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG, que resultou na parceria da elaboração da pesquisa “Trabalho docente no ensino médio nos Estados Brasileiros: um estudo comparado entre Santa Catarina e Minas Gerais” – Faculdade de Educação/UFMG e PPGE/Unisul, financiada pelo CNPq.

O Estágio Pós-Doutoral em Portugal contribuiu significativamente para a proposição de outros projetos de pesquisas com financiamento do CYTED – Programa Ibero-americano de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento (RIAIPE 1 – Rede Ibero Americana de Investigação em Políticas de Educação), a partir de relações interinstitucionais com a Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias de Lisboa.

O resultado da articulação com essa universidade portuguesa foi a realização da pesquisa concluída em 2010 – “Educação e Movimentos Sociais: a contribuição dos Fóruns Mundiais de Educação às Políticas Educativas Brasileiras”, e vinculada ao tema Conjunto de Propostas e Projetos Desenvolvidos por Movimentos Sociais, Organizações Não-Governamentais, Administrações Regionais e Locais e Respectivas Iniciativas Paradigmáticas com Fórum Social Mundial e Fórum Mundial de Educação e do projeto “Políticas de Educação em Tempos de Globalização” – RIAIPE 1. Contou com a participação de dois países do espaço ibero-americano (Espanha e Portugal) e cinco da América Latina (Argentina, Brasil, Chile, México e Uruguai) e do novo projeto para o período 2010-2013 com financiamento da União Européia – Alfa III (EuropeAid/129877/C/ACT/Multi) – Programa Marco Interuniversitário para uma Política de Equidade e Coesão Social na Educação Superior – RIAIPE 3, com a participação de três docentes e três mestrandos do PPGE.

A participação de Christian Muleka Mwewa, doutor, na RIAIPE3 possibilitou a articulação com a Rede Ibero-Americana de Democracia Cognitiva (RIADEC) que tem como objetivo geral a identificação de lugares ibéricos e latino-americanos de produção e enunciação de conhecimentos no campo da Educação, bem como lutar por sua interação.

Decorreu das relações interinstitucionais do PPGE:

  • Convite ao professor Clovis Nicanor Kassick, para integrar o Grupo de Trabalho sobre Matrizes Curriculares – GTMC – da UFSC, na pesquisa que tem por objetivo “Pesquisar e desenvolver metodologia de trabalho para a elaboração de currículos de referência nacional para os cursos do Programa E-Tec Brasil do SEED/MEC, com a participação de Aracy H. Catapan, Doutora – UFSC, Silvia M Nassar, Doutora – INE-UFSC, Clovis N Kassick, Doutor – Unisul, Walter Irondo, Doutor – UFPel, Erves Ducati, Doutor – UFSC, Rafaela L Comarella, Doutoranda – UFSC e Salésio e Assi – UFSC”.
  • As articulações do professor Marcos Edgar Bassi com o Centro de Estudos e Pesquisas de Políticas Públicas em Educação, CEPPEd do PPGE da Faculdade de Educação da USP-FEUSP, que integra a Rede de Pesquisadores em Financiamento da Educação resultou em uma Representação Regional do MEC/RJ e ainda na participação do PPGE Unisul na pesquisa coordenada pela FEUSP, “Remuneração de professores de escolas públicas de educação básica: configurações, impactos, impasses e perspectivas”, financiada pela CAPES/INEP/SECAD no período de 2008-2012, de abrangência nacional, que envolve 10 estados das cinco regiões do país, com 8 no PPGE.
  • O PPGE, por meio dos professores Maria da Graça N Bollmann, Letícia Aguiar Gilvan Costa e Christian Muleka Mwewa, integra a Redestrado – Rede de Estudos sobre Trabalho Docente, com sede na Universidade de Buenos Aires/Argentina e na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)/Brasil.
  • Participação dos professores Maria da Graça N Bollmann e Gilvan Luiz Machado Costa no Foro Latino Americano de Políticas Educativas – FLAPE, com sede em Buenos Aires/Argentina.
  • Participação de Fátima E. Marcomin, doutora, do PPGE Unisul, como coordenadora do grupo de Pesquisa AnPAP-EA (Análise e Planejamento Ambiental da Paisagem e Educação Ambiental), em Redes de Pesquisa em Educação Ambiental, favorecendo sua participação nas reuniões da ANPED em discussões para a reativação da Rede Universitária de Programas de Educação Ambiental-RUPEA; Membro elo da Rede de Educação Ambiental Sul do Brasil-REASul.
  • Com a mediação das professoras Fatima Elizabeti Marcomin, Maria da Graça Nóbrega Bollmann, Maria Ana e Dile da área de química, estreitaram-se as relações com o professor Mohamed Hamdani, da área de química ambiental, da Faculdade de Ciências de Agadir da Universidade de Ibn Zohr – Marrocos, visando o fortalecimento dessa área na Linha de Pesquisa Educação em Ciências do Programa, com a proposição do convênio entre a Unisul e Université Ibn Zohr – Agadir/Marrocos.
  • Participação do professor Gilvan Costa, doutor no Getrado – Grupo de Estudos sobre Política Educacional e Trabalho Docente, com possibilidades de criação do Gestrado-PPGE-Unisul para os próximos anos.
  • Assinatura do convênio interinstitucional entre a Unisul e Uni-Santiago/ Cabo Verde, a partir do Projeto Pró-Africa – “Educação para a Cidadania Global: parceria Brasil – Cabo Verde”, com financiamento do CNPq. Os participantes são: Neide Fiori, doutora e Coordenadora do projeto, Eduardo Búrigo de Carvalho, doutor e Vera Lúcia Chacon Valença, doutora. Dentre as atividades desenvolvidas salienta-se a participação no Colóquio Internacional “Os limiares Críticos da Educação Contemporânea” e as seguintes palestras: O estudo do meio e a história local: temporização dos saberes e dos cotidianos na escola; Educação, Direitos Humanos e Cidadania; A Escola Brasileira de Nacionalização; Idioma e Filosofia Política Rumo à Assimilação; A Educação no Museu: A Infância e os Valores Modernos da Liberdade e Igualdade; A Educação Superior na Época da Globalização que contou, à época, com a participação do professor Luiz Alberto de Souza Marques, falecido em 2010.
  • Participação da professora Neide Fiori, doutora, como professora visitante junto ao PPGE/CIE-UMA (Programa de Mestrado e Doutorado – Centro de Investigação em Educação – Universidade da Madeira, da Reunião Internacional de pesquisadores que integram a CIE). Essa reunião, em 2009, visou levantar as bases para a elaboração, no ano de 2010, de um projeto de pesquisa comum capaz de envolver os diversos países e pesquisadores que integram o CIE com vistas a ser submetido, via Fundação de Ciência e Tecnologia de Portugal, aos órgãos específicos da União Européia. As relações acadêmicas entre a Universidade da Madeira / CIE (Mestrado e Doutorado) e o PPGE/ Unisul ocorreram a partir de convergências em torno de atividades relacionadas com Pesquisa em Etnografia da Educação que lá se constitui em uma Linha Transversal de Pesquisa, estando presente em toda a organização curricular. Além disso, é importante ressaltar também a participação da pesquisadora no V Colóquio Centro de Investigação em Educação “Pesquisar para mudar (a educação)” – Universidade da Madeira – com apresentação da comunicação “Cooperação Internacional Brasil – Estados Unidos no ensino elementar: memórias de uma professora/aluna (década 1960)”. Na Universidade de São Paulo, LEER – Laboratório de Estudos sobre Etnicidade, Racismo e Discriminação – Departamento de História atua no âmbito da temática que diz respeito aos imigrantes alemães. A atuação, dessa professora, caracteriza-se por tratar o tema sob a perspectiva da educação e da cultura, com ênfase em questões relacionadas com a nacionalização do ensino nas décadas 1930-1940.
  • Participação da professora Vera Chacon Valença, doutora, da Hands on Europe/Portugal – Rede Internacional do Museu das Crianças. Essa rede tem a finalidade de universalizar a concepção museológica sob a ótica da criança, na qual esta deixa de ser apenas usufruidora do processo, tornando-se agente indispensável na formulação da inserção infantil no seu mundo imaginário.
  • Por entender que a filiação a Associações Acadêmico/científicas e Profissionais é uma forma de fortalecimento do Programa e de ampliação da produção científica, além da filiação institucional do Programa de Pós-Graduação em Educação à Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd), os professores também estão filiados individualmente a entidades profissionais e científicas.

A maioria dos professores está filiada a ANPEd por considerar esta uma das entidade de maior representatividade da pesquisa na área da educação. Além da ANPEd, cada integrante do PPGE, em função da linha de pesquisa e das suas produções acadêmicas, também está filiado a outras entidades tais como: SBHE – Sociedade Brasileira de História da Educação; ANPAE – Associação Nacional de Política e Administração da Educação; ANPUH – Associação Nacional de História; SBEM – Sociedade Brasileira de Educação Matemática; REASUL – Rede Sul Brasileira de Educação Ambiental, AnPAp-EA, HISTDBR, CEDES, AELAC, FLAPE, CLACSO, ANDE, ANFOPE, ARIC, AMCE, outras. Além dessas filiações, em função de Estágios Pós – Doutoral e/ou de participação em eventos da área, integrantes do PPGE também participam de Redes de Pesquisa Internacionais, como, por exemplo, Redestrado – Rede Latino-Americana sobre Trabalho Docente e RIAIPE.

TítuloDescriçãoTamanhoBaixar
Acordo de Cooperação - Universidade de Lisboa Acordo de Cooperação – Universidade de Lisboa27.53 KB BaixarVisualizar
Acordo de Cooperação - IBN Zohr Convênio de cooperação1.19 MB BaixarVisualizar

Almanaque FME

Documentos e Links

Documentos e formulários gerais

TítuloDescriçãoBaixar
Regimento Interno do Mestrado em Educação - PPGE Regimento Interno BaixarVisualizar
Tabela de Pontuação para Atividades Acadêmicas Complementares Pontuação ACAS BaixarVisualizar
Termo de compromisso de Orientação Termo de orientação da dissertação BaixarVisualizar
Termo de aceite de Orientação Termo de aceite da dissertação BaixarVisualizar
Requerimento para Prorrogação de Prazo Solicitação da prorrogação do prazo para defesa da dissertação BaixarVisualizar
Requerimento de Qualificação do Projeto de Dissertação Agendamento de qualificação do Projeto de Dissertação BaixarVisualizar
Requerimento de Defesa da Dissertação Agendamento da defesa da Dissertação BaixarVisualizar

Documentos e formulários para eventos

Sites Úteis

ANPAE – Associação Nacional de Política e Administração da Educação
ANPEd – Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação
CEDES – Centro de Educação e Sociedade
CLACSO – Conselho Latinoamericano de Ciências Sociales
CNPq – Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
FAPESC – Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina
FME – Fórum Mundial de Educação
Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica – Carta 2009
INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira
MEC – Ministério da Educação
Plataforma Lattes – Curriculum Lattes
REDEESTRADO – Red Estrado – Red Latinoamericana de Estudios sobre Trabajo Docente / Rede Latinoamericana de Estudos sobre Trabalho Docente
RIAIPE – Rede Iberoamericana de Políticas Educativas
Blog da RIAIPE
Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias
Universidade Federal do Paraná
Universidade Federal do Mato Grosso
Universidade Federal de Santa Catarina

Fale Conosco

Secretaria do Curso
Daniela Leandro Eufrazio

Telefone: (48) 3621 3367
E-mail: ppgemestrado@unisul.br

Horário de atendimento: de segunda a sexta-feira, das 7h30min às 11h30min e das 13h30min às 17h30min.

Atendimento na Unidade (Saiac)
Unidade Universitária Tubarão

2º Andar do Shopping Unisul – Rua Simeão Esmeraldino de Menezes, nº 400 – Bairro Dehon

Horário de atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8 às 22h.

Coordenação

Gilvan Luiz Machado Costa

Doutor e coordenador do PPGE.
Telefone: (48) 3621 3366
Currículo

 

Mensalidades

24x de R$ 1.714,97

Taxa de inscrição: R$ 100,00

 Valores válidos para as turmas ingressantes no ano de 2020.

O valor da matrícula no curso corresponde ao pagamento da 1ª parcela.
Esses valores podem sofrer ajustes anuais previamente aprovados pelo Consun.

Loading...